sexta-feira, 30 de abril de 2010

ler ou não ser

Me dedicando à arte de ler
Tiro a poeira dos livros
E a minha, que talvez seja maior
Entre páginas e páginas toda pragmática se esvai
Dando lugar ao meu (bom) uso do sofá.
Já que isso não soa natural
O jeito é deixar a marca das páginas
Mais amareladas que eu.

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Ele disse assim

Pra que ir tão longe
Se os desenhos mais bonitos eu encontrei no céu?

Texto 3 para um dia chegando ao fim

Ou a noite vira minha amiga
Ou eu a boto pra dormir.
Ou o louco me abraça ou eu o chamo de...louco!

sábado, 10 de abril de 2010

quinta-feira, 1 de abril de 2010